Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Governo libera R$ 37 milhões para acessos asfálticos em oito municípios

Daer deve retomar as obras de pavimentação nos próximos 10 dias.

Publicação:

Ordem de reinício das obras contou com a participação do diretor-gerall do Daer.
Ordem de reinício das obras contou com a participação do diretor-gerall do Daer. - Foto: divulgação Daer
Texto: SECOM/ Edição: Susana Goerck

Sinônimo de desenvolvimento, segurança e qualidade de vida, o acesso asfaltado foi garantido nesta quinta-feira (15/8) a mais oito municípios gaúchos. Paralisadas há meses por falta de verba, as obras serão retomadas a partir da assinatura da ordem de reinício pelo governador Eduardo Leite, autorizando a liberação de R$ 37 milhões.

“O Rio Grande do Sul tem uma grande demanda em termos de pavimentação e, sem dúvida, entre as prioridades está o asfaltamento do acesso aos mais de 60 municípios gaúchos que hoje não tem essa condição”, destacou Leite. Para o governador, além de garantir conforto e segurança aos moradores, asfalto leva desenvolvimento aos municípios

"Sabemos o quanto isso é importante para garantir conforto e segurança aos moradores, mas, principalmente, para levar desenvolvimento. Afinal, o acesso asfáltico garante redução de custos logísticos, facilita o escoamento da produção, aproxima e reduz tempo de deslocamento e, consequentemente, impulsiona a economia local”, acrescentou o governador.

As cidades que serão beneficiadas – Santo Antônio do Palma, São José do Hortêncio, Carlos Gomes, Sério, Muliterno, Sertão Santana, Ubiretama e Sério/Boqueirão do Leão – fazem parte do programa Acessos Municipais, gerenciado pelo Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem. O investimento liberado, com recursos do Tesouro do Estado, entrará como contrapartida no financiamento do BNDES para as obras de duplicação da ERS-118.

“Em um cenário de grave crise financeira, investir em estradas é mais do que reconhecer um problema grande e partir em busca de soluções. Investir em estradas é investir nas pessoas, na autoestima delas. É investir no progresso do nosso povo”, afirmou o secretário de Logística e Transportes (Selt), Juvir Costella.

Para o diretor-geral do DAER, Sívori Sarti da Silva, “a retomada dessas obras é mais um passo no sentido de atender parte da demanda de acessos municipais pavimentados, que ainda está presente no mapa do Rio Grande do Sul”, explica. “A disponibilidade desses recursos beneficiará parcela expressiva da população”, complementa.

 


Os municípios beneficiados e os valores liberados para cada:

Boqueirão do Leão
Rodovia: ERS-421
Trecho: Sério – Boqueirão do Leão
Extensão: 7 quilômetros
Valor liberado: R$ 12 milhões

Carlos Gomes
Rodovia: ERS-477
Trecho: Carlos Gomes – ERS-126
Extensão: 8,7 quilômetros
Valor liberado: R$ 2,8 milhões

Muliterno
Rodovia: ERS-462
Trecho: Muliterno – entroncamento com a BRS-285
Extensão: 13,46 quilômetros
Valor liberado: R$ 1,7 milhões

Santo Antônio do Palma
Rodovia: ERS-458
Trecho: Santo Antônio do Palma – entroncamento com a ERS-324
Extensão: 3 quilômetros
Valor liberado: R$ 53,3 mil

São José do Hortêncio
Rodovia: VRS-874
Trecho: São José do Hortêncio – entroncamento com a ERS-122 (São Sebastião do Caí)
Extensão: 13,15 quilômetros
Valor liberado: R$ 1,5 milhão

Sério
Rodovia: ERS-421
Trecho: Forquetinha – Sério
Extensão: 4,33 quilômetros
Valor liberado: R$ 6,1 milhões

Sertão Santana
Rodovia: ERS-713
Trecho: acesso a Sertão Santana
Extensão: 14,66 quilômetros
Valor liberado: R$ 7,2 milhões

Ubiretama
Rodovia: BRS-392 (acesso)
Trecho: Ubiretama – entroncamento com a BRS-392 (p/ Cerro Largo)
Extensão: 7,87 quilômetros
Valor liberado: R$ 5,7 milhões

DAER-RS