Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Governo do Estado, prefeitura de Horizontina e John Deere assinam acordo para construção de anel viário

Protocolo de intenções foi firmado na sexta (7), com a presença do Governador Eduardo Leite

Publicação:

- Foto: Divulgação Daer
Texto: Divulgação Palácio Piratini/Edição: Susana Goerck

Em Horizontina, o governador Eduardo Leite visitou, na tarde desta sexta-feira (7), a fábrica da John Deere, empresa que fornece produtos e serviços no segmento de construção, agronegócio e florestal. Na oportunidade, ocorreu a assinatura de um protocolo de intenções que estabelece bases para o termo de acordo entre o Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), a prefeitura de Horizontina e a companhia. O ato contou com a presença do Secretário de Logística e Transportes, Juvir Costella, e do diretor-geral, Luciano Faustino.

Por meio do protocolo de intenções, ficou definido que a John Deere escolherá uma empresa para a construção de  um anel viário de 7,94 quilômetros, no trecho que vai do entroncamento com a ERS-305 até o entroncamento com a ERS-342, e a fiscalização ficará sob responsabilidade do Daer. O investimento na obra será de  R$ 40 milhões e, como contrapartida, a companhia abaterá o valor do ICMS.

“O envolvimento dos deputados e a mobilização da comunidade nos faz ter noção da urgência da demanda para que coloquemos como prioridade. Será uma obra pública executada em convênio com a iniciativa privada”, ressaltou Leite.

Para o diretor-geral do DAER, Luciano Faustino, a equipe técnica do Departamento dará o suporte necessário para que a obra transcorra de forma ágil e atenda as necessidades locais. “Estamos comprometidos com projetos que fortaleçam o desenvolvimento das regiões e qualifiquem a mobilidade e a segurança viária”.

A negociação que culminou na assinatura do protocolo já leva alguns meses. O governador já havia recebido a diretoria da empresa no Palácio Piratini. Nos encontros, foi exposta a necessidade da construção de um desvio que permita a passagem de maquinário e caminhões, em direção à fábrica, sem que os veículos passem por dentro da cidade. Hoje, cerca de 200 caminhões circulam pelo trecho urbano em direção à empresa todos os dias.

DAER-RS